Diagnóstico Hernia

Diagnóstico da Hérnia

Para um correcto diagnóstico da hérnia é fundamental que se reveja a sua história médica, incluindo qualquer história de febre, cancro, uso de corticosteróides ou lesões recentes nas costas. Depois, o seu médico deverá colocar-lhe questões específicas sobre a dor:

  • Tem tido episódios mais ligeiros de dor nas costas no passado?
  • Onde se localiza a sua dor? Limita-se à coluna ou irradia para o ombro, braço, tórax, nádegas ou perna?
  • Quando é que começou a dor? Começou quando tentou levantar algo pesado ou foi desencadeada por uma torção ou flexão súbita das costas?
  • O que a alivia e o que a agrava?
  • A dor desaparece quando descansa a área afectada ou está presente mesmo em repouso?
  • Notou qualquer dormência, formigueiro ou fraqueza muscular nos braços ou pernas?
  • Há problemas com o controlo do intestino ou da bexiga, dor rectal ou dormência nas nádegas ou área genital?

Após rever a sua história médica e sintomas, irá ser efectuado um exame físico minucioso para excluir outras doenças que possam provocar dores nas costas, tais como um cancro ou uma infecção óssea das vértebras.

Este exame físico geral será seguido de um exame mais detalhado das costas, durante o qual o seu especialista deverá procurar diferenças entre os lados direito e esquerdo, contracturas ou espasmos musculares, curvatura anormal, limitação do movimento, falta de flexibilidade, áreas de dormência e áreas de sensibilidade. Estes achados poderão ajudar a excluir outros tipos de problemas nas costas que podem provocar sinais e sintomas semelhantes.

Se apresenta queixas sugestivas de hérnia discal lombar, o seu médico pode pedir-lhe para efectuar manobras específicas, tais como andar nos dedos dos pés, andar nos calcanhares, agachar-se e levantar-se e flectir o pé contra resistência. É possível que lhe faça um teste que envolve deitar-se de costas com as pernas direitas para de seguida, enquanto relaxa, o médico levantar lentamente cada perna individualmente e assim determinar o ângulo onde começa a dor na perna. É essencial que também realize um exame neurológico minucioso, procurando alterações nos reflexos, assim como qualquer evidência de fraqueza muscular ou diminuição da sensação.

Podem ser recomendado realizar radiografias da coluna, uma tomografia axial computorizada (TAC) ou uma ressonância magnética nuclear (RMN) se houver dúvidas relativamente ao diagnóstico inicial e em especial se os sintomas persistirem ou se agravarem ao fim de várias semanas de tratamento ou se está a considerar cirurgia. Tendo em conta que os testes de imagem, tais como RMN ou TAC, podem mostrar anomalias do disco mesmo em pessoas sem sintomas, os resultados devem ser interpretados cuidadosamente, pois é comum encontrar anomalias que não têm repercussão clínica. O seu médico também pode recomendar uma electromiografia, um teste que analisa a função muscular e nervosa para identificar locais de compressão ou irritação nervosa.

Partilha nas redes sociais
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •